Reformados

ago/16

19

‘Mais que Aparências!’

”A posição do cristão não é uma posição vaga, indefinida, incerta. É verdade que se vocês pensarem nela principalmente em termos de conduta e de comportamento superficiais, então ela pode muito bem ser vaga. Posso traçar facilmente um quadro descritivo e mostrar a vocês dois homens. Um deles é notável por sua elevada moralidade, nunca faz mal a ninguém, sua palavra é sua promissória, é honesto, justo e reto, um homem completamente bom, em todos os sentidos da palavra.…

Continuar lendo →

· · · ·

A igreja se ergue sobre o fundamento dos apóstolos e profetas. Toda suposta revelação nova, qualquer acréscimo à doutrina, havemos de rejeitar. Cumpre asseverarmos que todo ensino, toda a verdade e doutrina, precisam ser auferidos à luz das Escrituras. Aqui está a auto-revelação de Deus, dada sucessivamente no Velho Testamento com cada vez mais clareza e com finalidade culminante, chegando “na plenitude dos tempos” à revelação perfeita, absoluta, final, em Deus Filho.…

Continuar lendo →

· · ·

jul/16

25

Trabalho e futebol

Hoje recebemos um questionamento interessante de um irmão que acompanha nossa página: A paz, Gostaria de uma grande ajuda. Neste final de semana ouvi diversos sermões (Spurgeon, Whitefield, Jonathan Edwards) e surgiu uma grande dúvida em relação a santificação e regeneração. Sei que tenho que ter tempo com Deus, lendo a palavra, orando e meditando.…

Continuar lendo →

· ·

“Assim porém, falavam todos (os apóstolos), repreendendo, reprovando, ordenando, convidando os homens a segui-los, concordar com eles e “andar segundo o modelo” que eles apresentavam.” Ademais, os apóstolos reconheciam uns nos outros esse direito. É notável nesse sentido a referência de Pedro aos escritos de Paulo. Referindo-se à segunda vinda de Cristo e ao fim do mundo, ele escreve: “…como igualmente o nosso amado irmão Paulo vos escreveu, segundo a sabedoria que lhe foi dada, ao falar acerca destes assuntos como de fato costuma fazer em todas as suas epístolas, nas quais há certas coisas difíceis de entender, que os ignorantes e instáveis deturpam, como também deturpam as demais Escrituras, para a própria destruição deles” (II Pd 3.15-16).…

Continuar lendo →

· · ·

Todos pecaram (Rm 3.23), mas ninguém pode, verdadeiramente, reconhecer-se pecador sem a ação poderosa de Deus convencendo-o dessa verdade. E, quando ele vier, convencerá o mundo do pecado, e da justiça e do juízo. Do pecado, porque não creem em mim; João 16:8,9 __________________________ O texto que segue é de J.…

Continuar lendo →

· · ·

“Abraão viveu como peregrino, olhando (pela fé) para a cidade de Deus: Pela fé habitou na terra da promessa, como em terra alheia, morando em cabanas com Isaque e Jacó, herdeiros com ele da mesma promessa. Porque esperava a cidade que tem fundamentos, da qual o artífice e construtor é Deus. …

Continuar lendo →

· · · ·

E a mulher de Ló olhou para trás e ficou convertida numa estátua de sal. Gênesis 19:26 “Sinto-me constrangido a falar abertamente com meus leitores sobre o assunto do inferno. Permita-me usar a oportunidade que a mulher de Ló nos proporciona. Creio que já chegou a hora em que é realmente um dever falar claramente sobre a veracidade e a eternidade do inferno.…

Continuar lendo →

· · ·

A pregação experimental dos puritanos focaliza na pregação de Cristo. Como as Escrituras claramente mostram, o evangelismo precisa testemunhar o registro que Deus tem dado sobre o seu Filho Unigênito (At 5.42,8.35; Rm 16.25; I Co 2.2; Gl 3.1). Os puritanos, desta forma, ensinaram que qualquer pregação na qual Cristo não tem a preeminência não pode ser válida como pregação.…

Continuar lendo →

· ·

Posts mais antigos »

Theme Design by devolux.nh2.me